EM DESTAQUE NO BLOG

Vem mais uma lista de Fachin que poderá provocar até uma onda de suicídios

Por Airton Leitão - Novas informações de delatores – todos os dias surgem algumas – incluem os nomes do ex-presidente Lula, Antônio Palocci, Eduardo Cunha, Edson Lobão e outros que estão na lista sigilosa do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF).  As reações já são do conhecimento geral. Veremos, ouviremos ou leremos dizer que nada têm a ver com propinas, que ninguém recebeu nada, que não conhecem ninguém ligado à empresa Odebrecht, que tudo foi declarado aos órgãos fiscalizadores etc. 
 
Há um detalhe que não pode ser desprezado. 
 
Todos eles possuem bens incompatíveis com os rendimentos que recebem, principalmente os que têm mandatos eletivos, que recebem remuneração altíssima, mas mesmo assim seus bens extrapolam limites de valores lógicos. 
 
Esse problema pode ser esclarecido com a quebra dos sigilos bancários e fiscais deles e de seus familiares. A Receita Federal, que é bastante eficiente quando se trata do cidadão comum, poderia muito bem auxiliar no esclarecimento sobre tais discrepâncias. E ainda vem mais coisas por aí, uma vez que Antônio Palocci, sentindo-se abandonado pelo PT, está prestes a fazer uma delação premiada. 
 
Se ele abrir a boca, vai ter gente enfartando. E não é só ele. Outros delatores, da Queiroz Galvão, OAS, Andrade Gutierrez, Delta e outras empresas ligadas aos esquemas de Lula, e mais alguns petistas poderão dar uma forte pancada na cabeça da “jararaca”.  Vamos aguardar, porque teremos muita emoção nos próximos episódios dessa longa novela que o Brasil assiste, e que para o último capítulo estão previstas as mortes de muitos “bandidos” que hoje se apresentam como “mocinhos”, mas que são falsos. 
Compartilhe com Google Plus

About Canindé Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário