China apresenta nova tecnologia de trens que andam sobre linhas pintadas no chão

Uma empresa chinesa uniu o melhor de cada opção de transporte público e criou um trem com pneus que segue o caminho de pinturas no chão. A invenção é da empresa CRRC, que fabrica trens comuns.

Chamado de ART (“Autonomous Rapid Transit”, ou “Transporte Rápido Autônomo”), o veículo possui sensores capazes de identificar o caminho graças às linhas pintadas no chão e também de reconhecer possíveis obstáculos. Apesar da intenção de usar o ART de forma autônoma, ou seja, sem motorista, os modelos possuem cabine de comando e volante pois, no começo da operação, eles serão guiados por humanos para evitar acidentes.
O veículo tem 3 vagões que podem comportar até 100 passageiros cada. De acordo com o engenheiro do projeto, Feng Jianghua, esta é uma boa opção de transporte público para cidades pequenas e médias.

O valor de implantação dessa inovação é um dos motivos principais: para construir 1 quilômetro de metrô o custo é de cerca de 400 milhões de Yuans, o equivalente a cerca de 192 milhões de reais. Já todo o projeto de ART custaria cerca de 15 milhões de Yuans, ou aproximadamente R$ 7 milhões.
O projeto também leva em conta a necessidade de evitar combustíveis fósseis e é movido a energia elétrica, podendo circular até de 40 quilômetros antes de ser carregado. A cidade de Zhuzhou, de 3 milhões de habitantes, será a primeira a testar essa novidade, e a inauguração está prevista para 2018.
Compartilhe com Google Plus

About Canindé Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário