Clubes brasileiros registram R$ 2 bi em dívidas trabalhistas e 3 mil processos

01-info-processos-1-
Os 21 principais clubes do país somam cerca de R$ 2,4 bilhões em dívidas trabalhistas e são réus em 3.037 processos na Justiça. O valor corresponde a quase o dobro do estádio mais caro da Copa do Mundo em 2014, o Mané Garrincha, que custou R$ 1,4 bilhão.

Para o cálculo, três especialistas da área contábil foram ouvidos. A situação é ligeiramente melhor que em 2015, quando, também segundo os balanços financeiros, os mesmos times registraram R$ 2,6 bilhões de dívidas trabalhistas.

O passivo trabalhista corresponde a 38% dos débitos totais dos clubes, que é de cerca de R$ 6,3 bilhões. O restante do saldo devedor é composto por dívidas bancárias e fiscais, além de despesas operacionais. Os números podem apresentar variação.

Alguns processos que constam no levantamento podem ter sido arquivados ou já resolvidos, segundo os clubes, mas continuaram registrados nos tribunais. Agora, além de problemas judiciais, o atraso no salário ou no recolhimento de direitos como INSS e FGTS poderá também trazer prejuízo esportivo ao clube.
Compartilhe com Google Plus

About Canindé Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário