EM DESTAQUE

CDS EM DESTAQUES

"Vocês não sabem a minha felicidade ao ver que um filho de pedreiro virou doutor"

A cidade de Cruz das Almas, na Bahia, é o segundo destino da caravana Lula Pelo Brasil nesta sexta-feira (18). Após deixar a cidade de Salvador, ponto de partida de sua viagem pelo Nordeste, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi ao município de Cruz das Almas receber uma homenagem na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), fundada pelo ex-presidente em 2006. 
 
Durante o ato em frente à universidade, que reuniu milhares de pessoas para ver e ouvir o ex-presidente, Lula afirmou que ficou chateado por não receber o título de Doutor Honoris Causa, mas confessou que o verdadeiro título é quando um negro ou uma negra se forma na universidade. "Fico triste por não ganhar o título, mas fiquei sabendo que tem uma filha de quilombola que conseguiu chegar na universidade. Quando ela se formar e ganhar seu diploma, esse será meu título", disse. 

O ex-presidente defendeu os avanços em educação nos últimos 13 anos e disse que o país só será competitivo quando a educação não for um privilégio, mas sim um direito de todos. "Tinha certeza que o maior legado que eu poderia deixar para o Brasil era fazer com que os jovens que nasceram pobres chegassem na universidade. Vocês não sabem a minha felicidade ao ver que um filho de pedreiro virou doutor ou uma filha de empregada doméstica virou médica". 

Lula criticou ainda o desmonte das políticas de educação do atual governo e garantiu que, se voltar, vai consertar o país. "Eles precisam aprender que não é possível governar sem ouvir e sem olhar na cara do povo. Se esse governo que está destruindo o país e acabando com a auto-estima do povo não sabe consertar o Brasil, nós vamos consertar. Se os políticos que têm diploma não sabem governar, talvez seja necessário um torneiro mecânico voltar a governar o Brasil". 

Aos estudantes da UFRB, Lula deixou um recado: "A juventude não pode negar a política, precisa saber que não há saída fora dela. Nada de ficar com tempo ocioso. O tempo é de estudar, de aprender e de lutar", afirmou o ex-presidente.
Compartilhe com Google Plus

About Canindé Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário