78 mil pessoas vão concorrer a mil vagas de agente penitenciário no Ceará

Setenta e oito mil pessoas vão concorrer às mil vagas oferecidas no concurso de agente penitenciário do estado, o que representa uma vaga sendo disputada por 78 candidatos. Com as inscrições encerradas nessa segunda-feira (28), apenas com a taxa de inscrição – no valor de R$ 100 – o Governo do Ceará arrecadou cerca de R$ 13,5 milhões, sem considerar aqueles candidatos que, por alguma razão, foram isentados de pagar a taxa.
 
Os aprovados no concurso de agente penitenciário terão salário inicial de R$ 3.747,29, incluindo adicional noturno e gratificação. A carga horária é de 40 horas semanais, ressalvando o regime de plantão, com 12 horas corridas.
 
Do total das vagas, 15% são destinadas a candidatas do sexo feminino. Além disso, 5% das vagas são para pessoas com deficiência, desde que a condição do candidato seja compatível ao cargo que irá exercer. Para concorrer a uma das vagas, os participantes devem, obrigatoriamente, ter concluído o ensino médio ou um curso profissionalizante em ensino médio. O candidato aprovado na prova objetiva deverá passar por outras cinco etapas: inspeção de saúde, avaliação de capacidade física, avaliação psicológica, investigação social e funcional e curso de formação profissional.
 
As vagas serão distribuídas por oito microrregiões. Para a Região Metropolitana de Fortaleza está reservado o maior número de novos agentes, totalizando 556. As regiões do Cariri e Centro Sul receberão 88 vagas; Litoral Oeste tem 85; Sobral e Ibiapaba têm 84 vagas. Para o Sertão Central são 74, o Litoral Leste e Jaguaribe contam com 57 vagas; Sertão dos Inhamuns tem 50 vagas, e Baturité, seis vagas. A opção por uma das microrregiões deverá ser feita pelo candidato no ato da inscrição.
Compartilhe com Google Plus

About Canindé Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário