EM DESTAQUE

CDS EM DESTAQUES

Campanha Dezembro Laranja alerta para a prevenção do câncer de pele

Resultado de imagem para imagens  Dezembro Laranja
Dos meses mais esperados, já que com ele vem as festas, dias mais longos e o verão, dezembro também é o período em que uma importante campanha acontece. Chamada de Dezembro Laranja, ela chama atenção para a prevenção do câncer de pele. Para 2017, a Sociedade Brasileira de Dermatologia – SBD, adotou o slogan “Se exponha, mas não se queime”, que incentiva e foca na importância do uso diário do protetor solar como melhor maneira de evitar essa doença que é a mais incidente no país (dados SBD). 

Apesar de todo o trabalho feito pela classe médica e pela própria indústria de protetores solares, a grande maioria dos brasileiros ainda só utiliza fotoproteção quando está por longo período exposto aos raios, normalmente, em uma atividade de lazer, como ir à praia e ou piscina. , No entanto, é na exposição diária, durante atividades rotineiras, que o dano à saúde da pele é maior. Para a dermatologista Fabiana Wanick, a aplicação de produtos que bloqueiem a ação dos raios  deve acontecer ao longo do dia e em diversas áreas do corpo, não apenas no rosto. “Toda área do corpo que não estiver vestida deve receber aplicação do protetor solar de no mínimo FPS 30, pois luzes como a do computador também são capazes de provocar reações agudas, como eritema, aumento da temperatura, além do fotoenvelhecimento”, explica a médica.

Muitas vezes confundida com pintas ou edemas, o câncer da pele pode ser uma lesão avermelhada, com brilho semelhante ao de uma pérola, ou com descamação, podendo inclusive sangrar aos menores traumas sobre a sua superfície. Mas, a doutora Fabiana esclarece que, em geral, não há sintomas, por isso é tão importante a ida regular ao dermatologista, já que em alguns casos, somente um especialista pode fazer um diagnóstico correto.

Há três tipos de câncer de pele:  o carcinoma basocelular, o carcinoma espinocelular e o melanoma, este último é o mais conhecido, mais perigoso e que representa 3% dos casos de tumores malignos, pois possui um alto nível de mortalidade e provoca metástase. Ele é mais frequente nos membros inferiores, nas mulheres, e na região do tronco, em homens.

A especialista ainda alerta para a importância de educar as crianças em se proteger. “Hoje em dia existe protetor solar específico para crianças, que podem ser usados a partir dos 6 meses de idade. O hábito de passar o fotoprotetor na criança, estimula que ela entenda que isso é uma rotina e incentiva que ela entenda a importância desse hábito”, salienta. Segundo a SBD, 176 mil novos casos são diagnosticados por ano, por isso a importância das ações da campanha, como: a iluminação de monumentos nas principais capitais do país, inciativas em praias e parques com distribuição de filtro solar, além de incentivar o agendamento de consultas com o médico especialista.
Compartilhe com Google Plus

About Canindé Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário