EM DESTAQUE

CDS EM DESTAQUES

PF investiga recebimento irregular de Seguro Defeso no litoral potiguar

A Polícia Federal, juntamente com a Força-Tarefa Previdenciária, deflagrou na manhã desta sexta-feira (1º) uma operação denominada ‘Entre Dois Rios’. O objetivo é investigar o recebimento irregular do Seguro Defeso, que estaria sendo pago a pessoas que não vivem da pesca ou que possuem outra fonte de renda. Cerca de 20 policiais federais foram destacados para o cumprimento de três mandados de busca e apreensão em uma colônia de pescadores em Tibau do Sul, no litoral Sul potiguar. 
Policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão em uma colônia de pescadores em Tibau do Sul, no litoral Sul potiguar (Foto: PF/Divulgação)
Policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão em uma colônia de pescadores em Tibau do Sul, no litoral Sul potiguar (Foto: PF/Divulgação).
 
Mais de 800 requerimentos estão sendo analisados pelos investigadores, que já apuraram um prejuízo inicial de pelo menos R$ 100 mil aos cofres públicos. Há indícios de que alguns dos peixes cobertos pelo defeso nem existem em Tibau do Sul. Ainda de acordo com a PF, ‘Entre Dois Rios’ é a tradução da palavra de origem tupi ‘Tibau’, que vem da junção de ti + paum.

Seguro Defeso
 
O Seguro Defeso é o seguro-desemprego do pescador artesanal profissional, sendo concedido em períodos de defeso das espécies – que é quando a pesca é proibida em razão da reprodução de peixes e crustáceos. Será concedida uma hora, entre 10h30 e 11h30 (horário local), de entrevistas e esclarecimentos a respeito da Operação, na sede da Polícia Federal em Natal, na rua Dr. Lauro Pinto, 155 - Lagoa Nova.
Compartilhe com Google Plus

About Canindé Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário